Avaliação da eficácia de um manual de autoinstrução para aplicação de procedimento de ensino em tentativas discretas (DTT): um estudo com estudantes universitários

Conteúdo do artigo principal

Luiz Alexandre Barbosa de Freitas
Andressa Muniz da Silva
Mylena Gonçalves Pinheiro
Julia Zanetti Rocca
Henrique Gabriel Alves Vieira Anacleto Pinheiro
Ricardo Fernandes Campos Junior

Resumo

O ensino em tentativas discretas (DTT) é um procedimento utilizado amplamente no tratamento de indivíduos com necessidades especiais. Pela sua complexidade, estratégias para treinar pessoas para implementá-lo têm sido investigadas. Uma forma eficaz e econômica tem sido usar manuais autoinstrucionais. O presente estudo teve como objetivo avaliar os efeitos de usar um manual autoinstrucional (traduzido e adaptado para o português brasileiro) como método de treinamento para implementação do DTT. Foram analisados os desempenhos de quatro estudantes universitários na condução do DTT, com pesquisadores representando crianças, em três tarefas (combinar figuras idênticas, imitação motora e apontar figuras nomeadas) antes e após estudar o material. O manual produziu aumento estatisticamente significativo no desempenho dos participantes, mas o efeito foi heterogêneo entre as tarefas. A análise dos resultados por componentes comportamentais revelou efeitos variáveis sobre habilidades específicas. Os resultados corroboram estudos anteriores e indicam a viabilidade do uso da versão brasileira do manual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Freitas, L. A. B., Silva, A. M., Pinheiro, M. G., Rocca, J. Z., Pinheiro, H. G. A. V. A., Osowski, V. S., & Campos Junior, R. F. (2022). Avaliação da eficácia de um manual de autoinstrução para aplicação de procedimento de ensino em tentativas discretas (DTT): um estudo com estudantes universitários. Revista Brasileira De Terapia Comportamental E Cognitiva, 24(1), 1–17. https://doi.org/10.31505/rbtcc.v24i1.1490
Seção
Pesquisas originais